segunda-feira, 16 de julho de 2007

O Retorno

14 e 15 de julho: Vestibular UEPG

Resultado: muita diversão.



Às 6:40 de sábado, eis que saímos daqui do colégio rumo à Ponta Grossa. Na van, jovens esperançosos com um bom resultado e o típico frio na barriga (ao menos eu tinha). Nosso vestibular era às 14:30 e das 13:00 às 14:00 os portões eram abertos.

Levamos um bom tempo até encontrarmos nosso locais de provas, não enganado, acho que eram 5 lugares diferentes, fora o hotel. A 1ª e a 2ª etapas eram no sábado e constituía uma prova com todas as disciplinas e mais uma redação. Momentos antes nos encontramos com os outros vestibulandos do colégio que um dia antes já partiram. Almoçamos no McDonald's e partimos, cada um para o seu local de prova. Junto comigo, somente a Layra de conhecida. para matarmos o tempo, ficamos na praça lendo alguns resumos.

Meu local de prova era o Colégio Estadual Regente Feijó, sala 98. Como sendo uma instituição estadual, não poderia esperar por um lugar magnífico.

Meu tempo era escasso! Eu tinha 56 questões a desenvolver e uma redação a produzir com as seguintes propostas: por que o aluno não entende o que lê e seca do nordeste. Escolhi o primeiro tema que era algo da minha área, se bem que as duas propostas eram fáceis...

Eu tinha até 17:30 para entregar a prova. Às 17:25 ainda faltavam 15 questões para passar no cartão-resposta!! O tempo foi um inimigo e percebi isso em todos, alguns realmente ficaram desesperados e reclamaram de monte.

Passada a prova, fomos conhecer o hotel. Imaginava que este iria deixar a desejar. Por sorte eu estava enganado! Era um lugar lindo!

Tomei meu banho, descansei um pouco. Havíamos combinado de ir a uma pizzaria. Saímos lá pelas 9 da noite. Até encontrarmos a pizzaria, perdemos um bom tempo. E quando encontramos, era impossível uns 15 caber lá dentro, tivemos de fazer reserva e voltar dentro de 1 hora e meia. O pessoal decepcionou-se e fomos para um bar logo ao lado. A noite estava muito movimentada, tinha gente para tudo que é lado.

O bar que entramos chamava-se Consuelo. As luzes eram fracas, o recinto era cheio de mesas, havia uma televisão de 110 polegadas e outras de 42 polegadas espalhadas, todas transmitindo um DVD do Armandinho seguido do da Ivete Sangalo. Comecei com um vinho rose! Estava muito bom!! Depois veio a porção gigantesca de batatas-fritas e depois um X-salada no capricho. Entre batatas e vinho, tomei Coca-cola e uma bebida muito boa chamada Alexander, era muito boa e bem fortinha...!

Passadas quase duas horas, fomos para outro bar (a pizzaria já não fazia mais parte de nossos planos). O barzinho "Parada Obrigatória" era um recinto aberto, meio que numa garagem e a cerveja era por R$1,99! Ficamos uma hora lá.
O último e melhor bar ainda estava por vir. A entrada dele era glamourosa. Havia uma árvore toda iluminada e por volta desta algumas mesas e cadeiras. Já de imediato entramos. O local era muito aconchegante, parecido com um pub da Inglaterra. Havia um telão passando alguns vídeos, muita música e muita dança. Gostei muito de lá, tanto que cheguei no hotel às 2:00 da madruga.
Ainda no mesmo dia, havia um café da manhã reforçado nos esperando. Oito horas da manhã eu já estava acordado. Tomado o café, fui estudar um pouco e assistir a alguns filmes e outros vídeos.
Era 11:15 e o telefone toca. Todos os outros estavam no hall nos esperando para almoçar e partir para a prova. O McDonald's estava a nossa espera. Almoçamos rapidinho e partimos para o colégio. Hoje eu tinha certeza que daria melhor em minha prova, já que só tinha Literatura, Gramática, História e Geografia. Fora muito fácil a prova. Às 15:45 eu tinha terminado a minha prova e deitei sobre a prova e lá dormi, até às 17:00, quando deveria passar as questões para o cartão-resposta.
Resultado de tudo isso: acho que não passei. O tempo não foi um bom amigo no sábado e está muito concorrido, abriram dez vagas e para cada vaga há dez candidatos.
Já depois da prova nós tínhamos de partir e o centro estava muito movimentado, por causa do vestibular e por causa do telão que estava transmitindo o jogo de Brasil e Argentina.
Nem tínhamos idéia que uma longaaa viagem estava à nossa espera! A van estava "morrendo" no meio da rua. Com certeza, paramos umas 20 vezes na estrada e isso nos acarretou um atraso de 3 horas. Cheguei 00:18 em casa e no mesmo dia ainda ir trabalhar.

Ufa.

Um comentário:

mione disse...

Bem, parece-me que foi divertido e espero mesmo que tenha sido. :)
Ouvi comentários de que no primeiro dia o tempo foi inimigo de todos. Mas a vida é assim. Sempre é o tempo. a culpa é do tempo. O tempo é inimigo. O tempo é amigo.

Beijo!